Postagens

Mostrando postagens de Setembro, 2012

A eleição em São Paulo e a autocrítica que precisamos

Todos os institutos de pesquisa indicam o favoritismo de Celso Russomanno (PRB) na disputa pela prefeitura da capital paulista, tanto no primeiro como no segundo turno. O segundo lugar é uma disputa acirrada e um empate técnico entre José Çerra (PSDB), o Zé Chirico, e Fernando Haddad (PT).
Vamos analisar as possibilidades.
Caso Çerra passe ao segundo turno, a vitória da direita estará garantida, já que o Zé Chirico é o candidato “de esquerda” da direita, da revista Veja, da Globo (incluindo aí o jornal Globo, a rádio CBN, a revista Época), e dos jornais Folha e Estado. Como Russomanno é o plano B da direita, da TV Record, da Igreja Universal do Reino de Deus (IURD) e dos malufistas, provavelmente haverá uma espécie de autofagia. A tendência é a vitória dessa facção, mas haverá muita baixaria, a julgar pelo que disse Ciro Gomes em 2010: “as campanhas de Serra têm como características a violência, a traição, a rasteira, o jogo sujo e o jogo baixo”.
Para o PT, ficará claro que Lula er…

Liberdade de expressão e atentado à fé alheia

Imagem
Não é novidade alguma que Hollywood é instrumento de colonialismo cultural a serviço do imperialismo ianque. E também não é novidade a vilificação que Hollywood faz dos árabes e dos muçulmanos de qualquer etnia, como demonstra o Dr. Jack Shaheen no documentário de 50 minutos "Filmes Ruins, Árabes Malvados: Como Hollywood Vilificou um Povo" (Reel Bad Arabs: How Hollywood Vilifies a People, 2006), que pode ser visto em http://www.youtube.com/watch?v=DmVoSZk_fvo
O cinema americano tem-se prestado ao papel de propaganda difamatória de diversos outros povos ao longo de sua história, como os hispânicos e latino-americanos, especialmente os mexicanos, os alemães, os japoneses etc.
Há dois dias o filme "Inocência dos Muçulmanos"(Innocence of Muslims) provocou uma revolta de muçulmanos radicais que culminou com o assassinato do embaixador Christopher Stevens e mais três funcionários do consulado americano em Benghazi, na Líbia. O filme satiriza Maomé e ridiculariza a fé i…

Paraolimpíada de Londres 2012

Ontem, domingo, terminou mais uma paraolimpíada e o Brasil atingiu a meta ficando em sétimo lugar, com recorde de medalhas de ouro (21). Superamos o tradicional Canadá, ficando atrás apenas dos Estados Unidos em toda a América! Aliás, já em 2004 (Atenas) e 2008 (Pequim) apenas Estados Unidos e Canadá ficaram à nossa frente, entre os países da América. Em 2000 (Sidnei) fomos superados também pelo México, e em 1996 (Atlanta), pelo México e por Cuba.
Veja na tabela a seguir como foi nosso desempenho nos últimos 16 anos:

cityyeargoldsilverbronzetotalrankingLondon201221148437Beijing2008161417479Athens2004141273314Sidney2000612102824Atlanta199626132137

Este ano foi nossa melhor participação, exceto pelo total de medalhas - 43 contra 47 de Pequim 2008. Obtemos em medalhas de ouro o equivalente a todas as medalhas conquistadas em Atlanta 1996 (governo FHC, cuja "jestão" era só propaganda).
Mas para os urubólogos de plantão, nosso desempenho não é suficiente e passaremos vergon…